Sem categoria

Lindeiros que recorreram à justiça perdem causa contra a Itaipu

(Foto: Alexandre Marchetti)

Juiz federal considera improcedente ação de indenização para propriedades próximas ao reservatório.

O juiz federal Flávio Antônio da Cruz proferiu, na segunda-feira (20), a sentença na qual julgou improcedente a ação de indenização promovida pelos agricultores que têm propriedades próximas ao reservatório da Itaipu.

Foram propostas 86 ações, entre 2003 e 2006, envolvendo mais de 800 autores, que pleiteavam indenização por supostos prejuízos de produtividade causados pela formação do lago. Os valores pretendidos nessas ações poderiam chegar a bilhões de reais.

O juiz enfatizou que os laudos periciais “evidenciaram que, ao contrário do que foi verbalizado na peça inicial, a construção e a manutenção do lago de Itaipu não ensejaram queda na produtividade dos imóveis dos autores”.

Além da decisão do juiz pela improcedência da demanda, os autores ainda foram condenados ao pagamento de honorários advocatícios de sucumbência, no valor de R$ 25 mil por autor, e ao reembolso de todas as despesas arcadas pela Itaipu para produção da prova pericial.

Fonte: Itaipu Binacional

Um comentário
Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *