Sem categoria

“Resgate” de Marcola pago pelo PCC aumenta para R$ 200 milhões

Preso no Distrito Federal desde março do ano passado, Marcos Willians Herbas Camacho, o Marcola – liderança máxima do Primeiro Comando da Capital (PCC) –, já teria desembolsado cerca de R$ 200 milhões para os comparsas o “resgatarem” da prisão. O dado foi confirmado pelo Metrópoles com fontes ligadas à segurança pública.

Inicialmente, a informação era a de que o montante de R$ 80 milhões já teria sido repassado aos encarregados de elaborarem o suposto plano de de fuga. O aumento de 150% no valor ocorre exatamente no momento em que se completa um ano da transferência de Marcola para os presídios de segurança máxima.

Marcola foi preso pela primeira vez pela polícia paulista no fim da década de 1990, por roubos a carros-fortes e bancos. Já na prisão, recebeu a condenação por formação de quadrilha, tráfico de drogas e homicídio.

Recentemente, a Justiça o condenou a 30 anos de prisão no processo da Operação Ethos, que investigou o setor jurídico da organização criminosa. Com essa decisão, o total das penas impostas a Marcola ultrapassa 300 anos.

Leia a matéria completa: https://www.metropoles.com/distrito-federal/seguranca-df/resgate-de-marcola-pago-pelo-pcc-aumenta-para-r-200-milhoes/amp?__twitter_impression=true

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *