Sem categoria

Com novos etilômetros, PRF vai intensificar fiscalização nas rodovias

(Foto: Polícia Rodoviária Federal)

A Polícia Rodoviária Federal (PRF) irá realizar, nesta terça-feira (dia 25), uma ação para combater a combinação da ingestão de bebida alcoólica com a direção de veículos. A operação conta com os novos “bafômetros” entregues à instituição.

Desde o lançamento da operação Carnaval 2020, a PRF já registrou vários flagrantes de embriaguez ao volante. E para orientar e conscientizar os condutores, serão realizadas várias fiscalizações no trecho de responsabilidade da Delegacia da PRF de Foz do Iguaçu.

Os novos etilômetros são equipamentos de última geração, que possibilitam dinamizar a fiscalização, com dois modos de verificação.

Passivo: permite ao policial fazer um teste prévio, como se fosse uma triagem dos condutores. Não é necessário assoprar pelo bocal. O indivíduo apenas fala algumas palavras, como o próprio nome, por exemplo. E poderá ser aprovado ou reprovado. Quem for aprovado será liberado. Agora, quem for reprovado….

Ativo: Quem for reprovado no teste passivo deverá assoprar pelo bocal para que seja feita a averiguação. Assim, o aparelho registrará o índice verificado.

Penalidades – Lembrando que dirigir alcoolizado é considerado infração gravíssima, com multa de R$ 2.934,70, suspensão do direito de dirigir por 12 meses, recolhimento do documento de habilitação e retenção do veículo.

Crime – Em caso de concentração igual ou superior a 0,3 miligrama de álcool por litro de ar expelido pelos pulmões, ou da constatação de sinais de alteração da capacidade psicomotora, o condutor poderá ser preso e estará sujeito a uma pena de seis meses a três anos, além da multa e da suspensão ou proibição de se obter a permissão ou habilitação para dirigir veículo automotor.

Com informações da Polícia Rodoviária Federal

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *