Sem categoria

Retratos de Foz do Iguaçu na manhã desta terça-feira (14)

Ao circular pela cidade na manhã desta terça-feira foi possível perceber que nem todos estão respeitando a orientação de usar máscaras e nem todo mundo está mantendo o distanciamento de 2 metros uns dos outros. Entre o banco e a casa lotérica, muitas pessoas aguardavam atendimento.

(Foto: Cris Loose)

Alguns coletores estão usando proteção. Outros, não.

(Foto: Cris Loose)

Algumas pessoas estavam circulando normalmente, sem máscaras.

Lojas de materiais de construção estavam abertas com filas organizadas para manter o limite máximo permitido de clientes dentro da empresa.

No centro, a sinalização vertical foi reforçada e algumas indicações de estacionamento foram alteradas.

Rua Quintino Bocaiúva. (Foto: Cris Loose)

Alguns hotéis estão fechados com tapumes e lojas deixaram as vitrines vazias.

Muitos restaurantes colocaram avisos de que estão atendendo pelo sistema de delivery. Uma alternativa para manter o negócio em época de pandemia.

No mercado, pouco movimento por volta das 13h e todos os clientes e funcionários estavam usando máscaras. Senti um silêncio estranho durante as compras, sem crianças dentro do local.

As orientações na entrada do estabelecimento são para usar os carrinhos desinfectados e depois deixar no estacionamento.

Ao chegar em casa, a “operação de guerra” com direito a “rodolúvio e pedilúvio” para desinfectar o carro e os pés. Muito álcool em gel e todo o processo para limpar as embalagens antes de armazenar.

Entre notícias boas e notícias ruins, a vida segue com a certeza de que isso tudo vai passar.

Cris Loose

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *