Sem categoria

Hoje tem superlua!

(Foto: Christian Rizzi/Gentileza)

A última superlua do ano poderá ser vista nesta quinta-feira (7).

O melhor momento para observar a superlua será no fim da tarde, a partir do por do sol.

A superlua ocorre devido a dois fatos astronômicos. A trajetória da lua em torno da Terra não forma um círculo perfeito porque sua órbita é um pouco achatada. Por conta disso, a lua atinge, de tempos em tempos, o ponto mais próximo à Terra. Esse evento astronômico é conhecido como perigeu. Além disso, também é preciso que a lua esteja na fase cheia, o que ocorre a cada 28 dias.

Em 2020, a combinação dos dois fenômenos foi registrada três vezes, nos dias 9 de fevereiro, 9 de março e 8 de abril. A próxima super lua só poderá ser avistada em 27 de abril de 2021.

Como acontece na primavera do hemisfério norte (outono no Brasil), o fenômeno recebe o nome de Lua das Flores nos Estados Unidos (Flower Moon).

Maior e mais brilhante

Segundo o astrólogo Richard Nolle, que cunhou o termo em 1979, uma superlua é qualquer lua cheia que ocorre enquanto a Lua está a 90% ou mais de sua maior aproximação da Terra. Isso faz com que ela pareça até 15% maior e 30% mais brilhante do que o de costume.

Depois disso, os eventos começam a se distanciar. Em junho, por exemplo, a Lua estará no perigeu no dia 3, mas só estará cheia no dia 5, quando já vai estar fora da posição “ideal”. Portanto, não é considerada uma superlua. Grande, talvez, mas não “super”.

Leia mais: https://frontpress.com.br/noticia/-ltima-super-lua-do-ano

Leia mais: https://olhardigital.com.br/ciencia-e-espaco/noticia/-ltima-superlua-de-2020-ocorre-nesta-quinta-feira-saiba-como-observar-e-fotografar/100224

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *