Sem categoria

Para os médicos, abrir a Ponte da Amizade agora seria caótico

Profissionais de saúde do Paraguai alertam para o risco da alta circulação do coronavírus no lado brasileiro, enquanto empresários pedem a reabertura da fronteira sob rígidas normas de segurança sanitária.

Os setores econômicos de Cidade do Leste propõem a reabertura da fronteira, sob rígidas normas de segurança sanitária, alegando que não têm mais condições de continuar mantendo empregos se permanecerem fechados.

Nesse sentido, profissionais da Associação Médica do Alto Paraná (AMAP) afirmaram que ainda não é o momento de reabrir a fronteira, levando em consideração a velocidade com que o novo coronavírus está se espalhando no Brasil.

“Infelizmente, neste momento, é praticamente impossível reabrir a Ponte da Amizade, devido ao fato de que nosso vizinho não adotou medidas restritivas semelhantes às que adotamos há dois meses”, explicou o Dr. Carlos Pallarolas, pneumologista do Hospital Regional de cidade do Leste e da AMAP.

Ele disse que a situação no Brasil não é semelhante a do Paraguai. “Eles estão no auge dos casos”, acrescentou o profissional. O médico garantiu que abrir a fronteira nesse momento seria caótico.

“Concordo com o Dr. Guillermo Sequera, que afirmou que infelizmente podemos nos tornar um Wuhan, considerando que Foz de Iguaçu recebe muita gente de São Paulo”, disse.

Em relação à proposta dos empresários que se ofereceram para contribuir com a realização de uma certa quantidade de exames por dia nas pessoas que ingressam na cidade pela Ponte da Amizade, caso se decida abrir a fronteira, o profissional afirmou que é uma proposta válida, mas ainda não é o momento.

A Câmara de Comércio e Serviços de Cidade do Leste (CCYSCDE) propôs a reabertura da ponte sob rígidas normas de segurança sanitária na entrada da cidade e na área do km 30, com o objetivo de controlar quem entra e quem sai da região com destino a outras partes do país.

De acordo com o governo do Paraguai ainda não há uma previsão para reabrir as fronteiras.

Leia mais: https://www.ultimahora.com/para-medicos-abrir-puente-la-amistad-ahora-seria-algo-caotico-n2884116.html

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *