Sem categoria

Hotelaria de Foz retoma atividades gradualmente

(Foto: Reprodução)

Meios de hospedagem voltaram a receber hóspedes de negócios e por motivos particulares na segunda-feira (11); turismo de lazer retorna dia 10 de junho

Após 50 dias fechados, os meios de hospedagem de Foz do Iguaçu começam a retomar as atividades na segunda-feira (11). A reabertura é resultado do plano de retomada do turismo e dos protocolos de segurança sanitária discutido entre o Sindhotéis, a Prefeitura de Foz do Iguaçu e as entidades da Gestão Integrada do Turismo.

Os meios de hospedagem estão recebendo, por enquanto, apenas hóspedes que estão a negócios ou viajam por motivos particulares. A partir de 10 de junho, está prevista a reabertura para os turistas em geral. Em ambos os casos é necessário cumprir os protocolos de segurança sanitária estabelecidos em decreto municipal e nas demais normas vigentes, além de assinar o Termo de Responsabilidade Sanitária.

A expectativa é a de a rede retorne às atividades na totalidade em até um mês, dependendo da estratégia de cada estabelecimento.

O presidente do Sindhotéis, NeusoRafagnin, disse que os estabelecimentos estão investindo na qualificação e em insumos para proteger hóspedes, colaboradores e parceiros.

Cuidados e eventos – O Decreto 28.114, de 8 de maio possui oito seções para regular as atividades do setor, que englobam desde o funcionamento dos serviços de recepção, áreas comuns e circulação, até o cronograma de retomada dos espaços de eventos nos meios de hospedagem.

A partir de 28 de julho, serão permitidos eventos de pequeno porte (até 400 pessoas); a partir de 17 de agosto, de porte médio (401 a 1.000 pessoas); em 24 de agosto, de grande porte (1.001 a 3.000 pessoas); e a partir de 3 de setembro, poderão ser realizados eventos especiais (com mais de 3.000 pessoas).

Com informações do Sindhotéis

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *