Sem categoria

Barcos, redes de pesca, armas e anzóis são apreendidos no Paraná

(Foto: Batalhão da Polícia Ambiental)

Desde a última semana, o Batalhão de Polícia Ambiental Força-Verde (BPAmb-FV) reforçou as abordagens e as fiscalizações por conta da proibição da pesca em águas continentais diante da estiagem que atinge o Paraná.

Neste fim de semana, as equipes que atuam nas regiões Oeste e Noroeste do estado fizeram abordagens e apreenderam dois barcos, 800 metros de redes de pesca, dois anzóis, duas armas de fogo e munição.

Já na região do rio Cantu, as equipes intensificaram o patrulhamento nos acessos ao rio e também ao reservatário da usina do Rio Cantu. Durante a fiscalização 19 veículos foram abordados, duas embarcações abordadas e recolhidas, 800 metros de redes de pesca, cinco anzóis e outros materiais de pesca foram apreendidos.

No Oeste do estado, na região do rio Piquiri, houve um flagrante de caça ilegal. Os policiais militares faziam patrulhamento aquático próximo à cidade de Mariluz quando percebeu o som de latidos de cães de caça. A equipe abordou um homem que portava um revólver e disse que tinha documentação para a caça, mas ele estava em situação irregular. Na casa dele foi apreendida uma espingarda.

Leia mais: http://www.pmpr.pr.gov.br/Noticia/Barcos-redes-de-pesca-armas-e-anzois-sao-apreendidos-durante-abordagens-da-Operacao

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *