Sem categoria

Campanha do Sebrae ajuda microempreendedores individuais a se reinventarem na crise

A Mobilização “MEI. Reinvente. Repense. Recrie” oferece consultorias, conteúdos e materiais gratuitos.

A recém-lançada campanha “MEI. Reinvente. Repense. Recrie” já traz frutos de sucesso, com casos de microempreendedores que transformaram a forma de gerar renda usando informações disponibilizadas pelo Sebrae. A página lançada com conteúdo específico para os MEI acumula 250 mil acessos em todo o país desde seu lançamento, no dia 18 de maio.

Os microempreendedores individuais podem conferir diversos cursos on-line gratuitos, lives, palestras, oficinas, consultorias especializadas, divulgação de cases de sucesso na crise, textos, cartilhas e e-books com dicas de temas voltados para mercado, finanças e legislação, crédito, marketing e vendas, e materiais para segmentos específicos.

Por meio do portal é possível receber notificações sobre novidades por WhatsApp e acessar os principais canais de contato do Sebrae em cada estado para tirar dúvidas, receber orientações e realizar consultorias especializadas. A página pode ser acessada no link https://www.sebrae.com.br/sites/PortalSebrae/mei2020

Diversos paranaenses têm aproveitado a campanha do MEI para se capacitar e profissionalizar o negócio ou até mesmo para mudar completamente a sua área de atuação e atender uma nova oportunidade no mercado.

No litoral do estado, mais especificamente na Ilha do Mel, Maria Cristina Scheidt é a dona de uma pousada que paralisou os serviços há mais de 60 dias e que tem procurado transformar sua atuação para amenizar os efeitos da crise. Para manter a proximidade com os clientes, decidiu criar páginas nas redes sociais com informações sobre seu negócio. Ela avalia que a iniciativa pode ajudar a conseguir novos clientes.

Maria Cristina Scheidt paralisou os serviços na pousada há mais de 60 dias. Desde então, tem se dedicado a divulgar o negócio nas redes sociais. (Foto: Divulgação)

“Trabalho nesse ramo há 30 anos, nunca vivi uma crise como essa. Nunca tivemos que fechar a pousada por tanto tempo. Mas há males que vem para o bem. Eu cresci com isso, iniciei nossa atuação nas redes sociais e espero que ajude na divulgação da nossa pousada”, afirma Maria Cristina.

A microempresária revela que é uma espectadora cativa das lives com convidados oferecidas pelo Sebrae, além de já ter feito cursos e consultorias. Ela afirma que pretende utilizar o conhecimento adquirido para impulsionar seus negócios ao final da pandemia.

Para a consultora do Sebrae/PR, Patrícia Albanez, os empresários devem entender que o mercado e a forma de consumir produtos e serviços mudou. Segundo ela, é importante que o empreendedor conheça as novas oportunidades que estão surgindo e atenda a essas demandas.

Com informações da Assessoria de Imprensa do Sebrae

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *