Sem categoria

Cascavelenses pedem pelo isolamento social e o fim de políticas de flexibilização

Ato foi realizado um dia após apelo do Diretor do HU sobre isolamento social.

Várias pessoas participaram de uma manifestação em Cascavel na manhã deste sábado (6). Usando máscaras e mantendo o isolamento social, o grupo saiu em carreata e seguiu até a Prefeitura Municipal. Para chamar a atenção os manifestantes usaram faixas, carro de som e também as buzinas dos veículos.

No Ato pela Vida, como foi chamado o movimento, os participantes pedem o fechamento de serviços considerados não essenciais para tentar conter a pandemia na cidade. O ato foi organizado pelo Fórum Sindical de Cascavel que pede apoio da comunidade para aumentar o isolamento e impedir a circulação do vírus.

Em entrevista na tarde de ontem, o Diretor do Hospital Universitário Rafael Muniz de Oliveira fez um apelo à população para que as normas sejam seguidas e que os cascavelenses entendam que a situação é seria. O médico alertou ainda sobre a possível falta de leitos, caso a pandemia não seja controlada.

Os manifestantes pedem a retirada dos decretos de flexibilização.

O último Boletim divulgado pela Prefeitura Municipal de Cascavel na sexta-feira (05) mostrou números alarmantes, colocando a cidade em segundo lugar no estado, em casos de infecção.

A Prefeitura Municipal informou que deve apresentar novas medidas de combate ao Coronavírus na próxima segunda-feira (08).

Leia mais: https://www.catve.com/2021/noticia/6/291548/cascavelenses-pedem-pelo-isolamento-social-e-fim-de-politicas-de-flexibilizacao

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *