Sem categoria

Força Tarefa descarta confronto, mas confirma ter encontrado 2 corpos em Amambay, no Paraguai

Dados preliminares indicavam que, na tarde deste domingo (7), dois supostos membros do Exército Popular do Paraguai (EPP) teriam sido mortos durante um confronto com membros da Força-Tarefa Conjunta (FTC) na área de Amambay, no Paraguai.

Segundo informações preliminares, dois membros do EPP morreram. O evento ocorreu na área conhecida como Lorito Picada, a aproximadamente 45 km de Pedro Juan Caballero, capital de Amambay.

No começo da tarde, o porta-voz da FTC, Luis Apesteguía, disse que a FTC estava realizando duas operações simultâneas, uma em Horqueta (Concepción) e outra em Lorito Picada (Amambay), mas esclareceu que ainda não tinha mais informações.

Uma declaração do Exército Popular do Paraguai (EPP) circula nas redes sociais e aplicativos de mensagens instantâneas sobre a suposta prisão de dois integrantes do grupo. A nota diz que “O Exército do Povo Paraguaio (ou Exército Popular do Paraguai) denuncia perante a opinião pública nacional e internacional a captura de dois companheiros pela FTC“.

Presumivelmente, os dois membros do grupo armado que opera no norte do país foram detidos ​​pelos integrantes da Força Tarefa, e o EPP alertou que isso não ficaria “impune”. A nota menciona o fato teria ocorrido em 20 de maio.

Até o momento as autoridades da Força Tarefa Conjunta e o Governo não se pronunciaram sobre a declaração do grupo armado, que se autodenomina Exército do Povo Paraguaio ou Exército Popular do Paraguai (EPP).

Ataques recentes – Na sexta-feira, 8 de maio, ocorreu um ataque na cidade de Yby Yaú, departamento de Concepción, especificamente no rancho Yukeri, localizado na comunidade de Pasiño, onde quatro tratores agrícolas foram incendiados.

No sábado, 9 de maio, houve um novo ataque na cidade de Pedro Juan Caballero. Foi na fazenda do Jaguary, onde os criminosos queimaram a casa do empregador pertencente a Pablino Mendoza, um trator, três tratores e uma van.

Atualização (*)

O tenente-coronel Luis Apesteguía, porta-voz da Força-Tarefa Conjunta (FTC), afirmou que, com base em informações anônimas, dois corpos foram encontrados em estado de putrefação na área de Lorito Picada, no departamento de Amambay.

Segundo o relatório do tenente-coronel Luis Apesteguía, da FTC, não houve confronto. Ele mencionou que após uma informação anônima, recebida por volta das 10:00, os corpos foram encontrados. Ambos estavam com usando roupas militares e até agora não foram identificados.

(*Atualizado às 18:30)

Leia mais: https://www.lanacion.com.py/pais/2020/06/07/dos-supuestos-miembros-del-epp-habrian-fallecido-en-enfrentamiento-en-amambay/

Leia mais: https://www.ultimahora.com/ftc-confirma-hallazgo-dos-cuerpos-vestimenta-militar-amambay-n2889104.html

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *