Sem categoria

Turismo registra 76 mil empregos perdidos e o fechamento de 4 mil empresas na Argentina

(Foto: LaVozDeCataratas/Gentileza)

A situação do setor de turismo é “desesperadora”, segundo o presidente da Associação de Hotéis de Turismo da República Argentina (AHT), Roberto Amengual.

Entrevistado pela Cadena 3, Amengual disse que, segundo estudo encomendado pela instituição, feito entre fevereiro e maio ​deste ano, “já foram perdidos 76 mil empregos e fechadas mais de 4 mil empresas” do setor em todo o país.

Nesse contexto sombrio, os integrantes da AHT se reuniram em Puerto Iguazú, na tarde de sexta-feira (7) para analisar a situação.

As empresas do setor estão há 120 dias sem trabalhar e apenas 16% dos estabelecimentos tiveram acesso ao crédito. “Além disso, no Congresso a lei emergencial não está avançando no ritmo que precisamos para sobreviver e para conseguir nos recuperar desta crise” afirmou Amengual.

O setor acredita que a recuperação será lenta. Sobre os números do estudo que relata a situação do do turismo no país, o presidente da AHT ainda disse que “os dados não consideram os meses de junho e julho, o que deixa a situação ainda mais sombria”.

Além dos empreendimentos fechados, o cancelamento dos voos fez com que os hotéis com inauguração prevista para setembro em Puerto Iguazú, adiassem o início das atividades para outubro.

Leia mais: http://www.lavozdecataratas.com/noticia_67187.html

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *