Sem categoria

A Neve de agosto de 65

Esquina das atuais Av. Uruguai e Av. Tucunduva, a atual Praça Aquiles Turra e parte da cidade de Tuparendi. (Foto: Reprodução/Cidade Canção FM)

O dia 20 de agosto de 1965, começou com neve em toda a região noroeste do Rio Grande do Sul. A neve seguiu até o dia seguinte.

Ao acordar nesta sexta-feira (21) com o termômetro marcando dois graus negativos em Santa Rosa (RS), e com a cidade e o campo tomados pela geada, o professor aposentado David Frosi lembrou da neve de 65.

Eu cursava o segundo ano da faculdade em Ijuí. No Bairro São Geraldo, ao lado do prédio da FAFI, tinha cerca de 1 hectare de mata e o barulho dos galhos das árvores quebrando, por causa do peso da neve, era assustador, afirmou David Frosi.

O professor também lembra que, com medo que as casas desabassem, por causa do peso da neve, muitos tiravam a neve dos telhados, com pás.

Alguns moradores afirmam que a neve chegou a formar camadas de até um metro de espessura, cobrindo tudo de branco, conforme relatou Vilson Winkler, para a Cidade Canção FM. (Leia mais AQUI.)

A maior precipitação de neve do século no Estado do Rio Grande do Sul havia ocorrido em 1942. A nevasca foi mais intensa na região serrana.

RS tem -5°C, roupas congeladas, geada e neve

De acordo com o G1, Quaraí registou a temperatura mais baixa no estado nesta sexta (21), segundo dados do Inmet. Em São José dos Ausentes fez -4,3°C, mas o termômetro chegou a registrar -7°C. Nove cidades do estado tiveram neve.

Segundo a Somar Meteorologia, ainda há possibilidade de ocorrer neve e chuva congelada em cidades da Serra.

SC tem tem -8ºC, sincelo, geada, árvores congeladas e chance de neve

A sexta-feira (21) amanheceu com temperaturas negativas em muitas cidades de Santa Catarina. Árvores ficaram congeladas com água, houve geada e também sincelo, quando a neblina congela na vegetação.

Apesar de não ter nevado no início da manhã na Serra, existe a possibilidade de neve em outras regiões catarinenses ao longo do dia. Fez -8,40ºC no Morro da Igreja, entre Urubici e Bom Jardim da Serra por volta das 4h, segundo uma das estações da Epagri/Ciram, órgão estadual que monitora as condições climáticas.

Segundo o meteorologista da NSC, Leandro Puchalski, as condições meteorológicas são favoráveis para neve em outras regiões, não mais na Serra, como ocorreu na noite de quinta.

PR tem temperaturas negativas e expectativa de neve no estado

Segundo o Simepar, a menor temperatura do estado era de -2,8ºC, em Palmas. Cascavel registrou mínima de -1ºC. Estado amanheceu com mínimas abaixo de 12ºC em todas as regiões.

De acordo com o Sistema Meteorológico Simepar, o ar gelado permanece em todas as cidades, mas o frio mais intenso ocorre nas regiões oeste, sudoeste e centro-sul do estado.

Até as 5h, a menor temperatura do estado era de -2,8ºC, em Palmas, na região sul, ainda conforme o Simepar, com sensação térmica de -10ºC. Cascavel, na região oeste, também amanheceu com mínima negativa de -1ºC.

Leia mais: https://g1.globo.com/rs/rio-grande-do-sul/noticia/2020/08/21/apos-registro-de-neve-cidades-do-rs-amanhecem-com-temperatura-negativa-veja-fotos.ghtml

Leia mais: https://g1.globo.com/sc/santa-catarina/noticia/2020/08/21/frio-em-sc-sexta-tem-temperatura-negativa-geada-e-chance-de-neve.ghtml

Leia mais: https://g1.globo.com/pr/parana/noticia/2020/08/21/com-expectativa-de-neve-parana-amanhece-com-minimas-abaixo-de-12oc-em-todas-as-regioes-diz-simepar.ghtml

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *