BrasilFronteiraParaná

Servidor da Receita Federal é preso com mercadorias de origem estrangeira

Na madrugada deste sábado (22), as equipes de policiais militares de Marmeleiro e de Renascença prenderam um casal pelo crime de descaminho. Com eles, foram apreendidos equipamentos eletrônicos avaliados em cerca de R$ 100 mil.

Um veículo com placas de Foz do Iguaçu foi abordado pelos policiais. O motorista, de 57 anos, que estava acompanhado de uma mulher, de 40 anos, se identificou como servidor da Receita Federal em Foz do Iguaçu. Ele ainda estava com o uniforme o o crachá da instituição e disse que estava indo para Santa Catarina.

Durante a vistoria, os policiais encontraram vários equipamentos eletrônicos como celulares e roteadores, dentro do carro. Inicialmente, o servidor disse que eram produtos apreendidos pela Receita Federal, que seriam entregues como doação, para a APAE. Porém ele não tinha nenhum documento que comprovasse a doação.

O casal foi levado para a sede do 2° Pelotão de Marmeleiro. No local, confessaram que compraram os produtos no Paraguai, com fins comerciais.

Ambos vão responder pelo crime de descaminho. Os equipamentos e o veículo foram apreendidos e encaminhados para a Receita Federal.

O que disse a Receita Federal

Em nota, a Alfândega da RF em Foz do Iguaçu confirmou as informações repassadas pela PM, relacionadas à abordagem de um veiculo carregado com contrabando trasportado por um servidor da instituição. Ainda de acordo com a nota, ele não estava em serviço. A Receita Federal também informou que irá tomar as providências legais imediatamente.

Com informações da Polícia Militar do Paraná e da Receita Federal 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *