BrasilFronteiraParaná

Financiada por Itaipu, duplicação da Rodovia das Cataratas terá impactos positivos na economia e no turismo

O presidente Jair Bolsonaro lançou nesta quinta-feira (27) a pedra fundamental da duplicação da BR-469, em Foz do Iguaçu. (Foto: Kiko Sierich/PTI)

O presidente disse que “Itaipu é um orgulho para todos nós, não só por ser a hidrelétrica que mais produz energia limpa em todo o mundo, mas pela forma como vem sendo administrada pelo general Joaquim Silva e Luna, de modo que sobram recursos para que obras sejam executadas aqui neste cantinho maravilhoso do Paraná”.

O custo total da duplicação é de R$ 139,4 milhões (sendo R$ 136,3 bancados pela margem brasileira da Itaipu Binacional). Esse aporte faz parte de um conjunto de projetos estruturantes que somam mais de R$ 1 bilhão em investimentos da empresa na região.

A cerimônia de lançamento da pedra fundamental ocorreu no trecho rodoviário que liga a BR-469 ao Aeroporto Internacional de Foz do Iguaçu. Além do presidente e do ministro da Infraestrutura, a solenidade contou com a presença dos ministros Marcelo Álvaro Antonio (Turismo), Bento Albuquerque (Minas e Energia), Jorge Oliveira (Secretaria da Presidência) e Luiz Eduardo Ramos (Secretaria de Governo); além de diversas autoridades estaduais e regionais.

O governador Ratinho Junior destacou a importância da duplicação e das demais obras financiadas por Itaipu, como o aeroporto e a segunda ponte com o Paraguai.

A expectativa é que as obras comecem ainda em 2020 e sejam concluídas em julho de 2022.

Visita à Itaipu – Em sua terceira visita a Foz do Iguaçu, Bolsonaro aproveitou a oportunidade para verificar o andamento das obras de ampliação da pista do aeroporto assim que pousou em Foz. Na oportunidade, tirou uma foto com funcionários da Infraero e operários que atuam no local.

Após a cerimônia de lançamento da pedra fundamental das obras de duplicação da Rodovia das Cataratas, Bolsonaro dirigiu-se à Itaipu, onde almoçou e realizou uma visita à área industrial da usina. Foi a primeira vez que o presidente visitou a hidrelétrica binacional.

Foto: Rubens Fraulini (Itaipu)

Com informações da Itaipu 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *