Paraná

Sem previsão de retorno presencial, governo planeja que professores do Paraná façam videoaulas para evitar evasão

Plano ainda está em discussão, mas proposta é que professores deem aulas ao vivo pela internet, que durem entre 15 e 50 minutos, seguindo a grade horária pré-pandemia. (Foto: Seed/Divulgação)

A Secretaria Estadual da Educação (Seed) planeja que os professores da rede estadual do Paraná passem a dar videoaulas online, seguindo a grade horária pré-pandemia, para tentar evitar a evasão de alunos no 2º semestre.

A ideia foi apresentada pelo secretário Renato Feder em uma live com professores e profissionais de educação, nesta quinta-feira (27).

De acordo com Feder, a proposta ainda será discutida, mas o plano é que as videoaulas tenham de 15 a 50 minutos, e complementem os conteúdos disponíveis no programa Aula Paraná. Algumas escolas já contam com encontros virtuais semanais entre alunos e professores.

Atualmente, o tripé do Aula Paraná é composto por aulas transmitidas no Youtube e na televisão, produzidas pela equipe da Seed, por exercícios no aplicativo do programa e por atividades impressas entregues aos alunos.

Por causa da pandemia do novo coronavírus, as aulas no Paraná foram suspensas em março e as atividades remotas começaram em abril. Mais de 1 milhão de alunos da rede estadual acompanham as aulas remotas, segundo o governo. A secretaria não informou os índices de evasão escolar no período.

O novo formato deve integrar uma nova resolução que será publicada pela Seed, instituindo uma nova versão do Aula Paraná.

Em julho o diretor-geral da Secretaria de Estado da Educação (Seed), Gláucio Dias, afirmou que as aulas voltariam em setembro, mas, segundo o Secretário da Educação do Paraná, Renato Feder, as mudanças no Aula Paraná estão sendo pensadas porque não há data para retorno das aulas presenciais.

“Pelos índices, não podemos voltar agora”, afirmou o secretário.

Leia mais: https://g1.globo.com/pr/parana/educacao/noticia/2020/08/27/sem-previsao-de-retorno-presencial-governo-planeja-que-professores-do-parana-facam-videoaulas-para-evitar-evasao.ghtml

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *