Paraná

Alunos da Unila desenvolvem projeto para reciclar óleo e distribuir sabão para comunidades mais pobres de Foz.

A iniciativa é de um grupo de alunos de biotecnologia da UNILA. (Imagem: Divulgação)

O novo coronavírus tornou-se emergência de saúde pública de interesse internacional. Com a chegada dele ao Brasil vários setores da sociedade e o estilo de vida da população foram afetados. Diante dessa pandemia, autoridades de saúde vem enfatizando a importância de higienizar os espaços e as mãos,  com o objetivo de diminuir o risco de contágio.

Essa situação, além de sensibilizar, motivou a um grupo de estudantes da UNILA, a discutir a criação de um projeto para a elaboração de sabão a partir de óleo de cozinha reciclado, para beneficiar a comunidade de Foz do Iguaçu no combate ao coronavírus e, além disso, contribuir com o meio ambiente.

Para os alunos da UNILA esse projeto também representa uma oportunidade para implementar os conhecimentos adquiridos no curso de biotecnologia.

Na prática – Um dos primeiros passos foi pedir ajuda à comunidade para conseguir a matéria prima, o óleo usado, que é reaproveitado na produção do sabão.

Embora a ideia tenha surgido como uma proposta de empreendedorismo estudantil, o projeto vem favorecendo as populações mais vulneráveis.

Além de produzir sabão, os estudantes pretendem compartilhar pelas redes sociais informações sobre a pandemia e as medidas de isolamento, tutoriais para quem pretende fazer sabão em casa, além de dicas para evitar a Covid-19 e sobre o meio ambiente e o reaproveitamento.

Para mais informações entre em contato pelo e-mail reciclandooleo20@gmail.com ou pelo whatsapp 45 98826-3857.

Atualizado às 15h45

Cris Loose

Um comentário
Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.