ParaguaiParaná

PF desarticula organização criminosa ligada ao contrabando de cigarros e agrotóxicos no Paraná

No noroeste do Estado o grupo recebia e distribuía cigarros e agrotóxicos contrabandeados do Paraguai. (Foto: Polícia Federal)  

Nesta terça-feira (1), a Polícia Federal em Maringá/PR deflagrou a Operação ZEPHYROS, para desarticular uma organização criminosa que atuava no contrabando de cigarros e de agrotóxicos no noroeste do Estado do Paraná. Cerca de 80 Policiais Federais cumpriram 12 mandados de busca e apreensão e 3 mandados de prisão preventiva expedidos pela 1ª Vara Federal de Umuarama/PR.

A Operação detectou a existência de grupo, baseado principalmente em Ivaté (PR) e Umuarama(PR), que recebia o contrabando e distribuía os produtos para a região metropolitana de Curitiba e outras regiões do país. 

O grupo adquiriu várias propriedades rurais e diversas medidas de sequestro de bens foram judicialmente determinadas. Nesta terça-feira, um administrador judicial tomou posse da extensa criação de gado de um dos investigados.

Ao longo da Operação, foram realizados sete flagrantes que resultaram na apreensão de aproximadamente 1.200 caixas de cigarros contrabandeados, 900 quilos de agrotóxicos de origem estrangeira e de 3.529 quilos de maconha. A droga foi apreendida em um dos portos clandestinos utilizados pela organização criminosa.

As buscas acontecem nas cidades de Ivaté, Umuarama, Icaraíma, Foz do Iguaçu, Maringá e Nova Olímpia, todas cidades paranaenses. 

O nome da Operação tem relação com a etimologia da palavra, que significa “Vento do Oeste”, em alusão à região onde a organização criminosa atuava.

Com informações da Polícia Federal em Maringá (PR)

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *