Covid-19Paraguai

Covid-19: Paraguai prepara novo decreto e pede que população ajude a diminuir os contágios

O ministro da Saúde, Julio Mazzoleni, anunciou que o governo do Paraguai está trabalhando em um novo decreto que será divulgado no fim de semana, sem mudanças muito significativas. (Foto: Agência IP)

Na manhã desta quarta-feira (6) o Ministro da Saúde esteve com o Presidente da República, Mario Abdo Benítez, no Palácio do Governo, em um encontro que contou com a presença de representantes de várias instituições. O objetivo foi “definir ações” de combate à pandemia.

“Não custa nada usar as máscaras e manter os cuidados”, lembrou, apelando para a conscientização pública.

Na reunião, o Ministro da Saúde e a equipe de trabalho dele apresentaram um relatório sobre a situação epidemiológica e sobre a lotação dos hospitais.

O ministro reconheceu que a situação epidemiológica no Paraguai é atualmente muito preocupante e isso se reflete nos serviços de saúde que são “muito procurados”. 

Mazzoleni anunciou que não haverá grandes alterações em relação ao decreto atual, válido até domingo (10), mas disse que o Governo continua a apostar na sensibilização dos cidadãos como principal ferramenta no combate ao vírus.

Autoridades locais – O Ministro também disse que é necessário fortalecer o diálogo com as autoridades municipais, uma vez que são as que mais têm interesse em manter a dinâmica econômica. 

Vizinhos – Mazzoleni também está preocupado com o cenário que prevalece em vários países vizinhos, como Argentina, Uruguai e Brasil, onde há um aumento significativo de infectados. Ele lembrou que o coronavírus é um problema de todos, sendo as Américas a região que concentra o maior número de casos e mortes.

Senado aprova projeto para compra de vacinas

A Câmara dos Senadores aprovou o projeto que modifica a Lei da Vacina e introduz dispositivos que permitem ao Estado paraguaio negociar diretamente com as empresas farmacêuticas a compra de uma possível vacina contra a Covid-19.

A pedido de vários legisladores, o projeto foi discutido nesta quarta-feira (6) após a apresentação feita ontem (5) pelo ministro Julio Mazzoleni.

Com informações da Agência IP 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *