Covid-19Foz do IguaçuParaná

Foz do Iguaçu inicia vacinação contra a Covid-19

A enfermeira Karin Aline Zilli, de 44 anos, que atua no Hospital Municipal, foi a primeira a receber a imunização. (Fotos: AMN) 

As 5.160 doses da 9ª regional de Saúde chegaram por terra ontem à noite a Cascavel, devido ao mau tempo. A chefe da 9ª regional, Iélita Santos, saiu de Cascavel logo depois das 22h00 com as vacinas e com escolta. Eles chegaram a Foz no começo da madrugada.

As 3.193 doses que serão aplicadas em Foz foram entregues à Prefeitura hoje (20), pouco antes das 7h00.

A vacinação começou no horário programado, às 7h30, no Hospital Municipal.

A enfermeira Karin Aline Zilli, de 44 anos, que atua no Hospital Municipal na linha de frente do enfrentamento à Covid-19 desde o início da pandemia, foi a primeira vacinada em Foz.

Também receberam a primeira dose, a médica Thatiana Hermida Fagundes, de 34 anos; a integrante do grupo de higienização e limpeza, Simone de Paula Rocha, de 44 anos; e a fisioterapeuta Beatriz Fernandes Toccolini, que supervisiona as Unidades Covid e Geral do Hospital Municipal.

O enfermeiro Fernando Luiz Dornelles Zarth, de 39, que atua na UTI Covid e trabalha há 20 anos no Hospital Ministro Costa Cavalcanti, também foi vacinado hoje cedo.

O prefeito Chico Brasileiro, que está se recuperando em isolamento domiciliar da infecção por Covid-19, enviou uma mensagem de vídeo aos moradores de Foz.

“Não poderia deixar de expressar a alegria deste momento”, disse. “É um momento de virada”, afirmou o prefeito. Ele também parabenizou os profissionais de saúde que atuam desde o início da pandemia na linha de frente no enfrentamento ao novo coronavírus”, falou.

Também por meio de mensagem, o secretário estadual de Saúde, Beto Preto, fez um agradecimento especial aos profissionais que atuam na linha de frente no enfrentamento ao coronavírus. O secretário garantiu ainda que os convênios entre o Governo do Estado e a Prefeitura de Foz serão renovados, para um trabalho integrado no enfrentamento da Covid-19.

Próximos passos – Os próximos passos incluem a vacinação de outros profissionais de saúde também da linha de frente e dos idosos abrigados nas duas instituições de Foz. As equipes de saúde já estão treinadas e prontas para a campanha de vacinação.

A Secretaria Estadual de Saúde informou que um segundo lote de vacinas ficou estocado no Centro de Medicamentos do Paraná (Cemepar) em Curitiba, que tem as melhores condições para a preservação das vacinas.

Próximo à data de aplicação da segunda dose, o estoque será distribuído para as regionais de saúde. O Estado pretende vacinar quatro milhões de paranaenses até o mês de maio.

Cris Loose 

3 comentários
Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *