Paraná

Governo assina convênio de administração dos terminais para passageiros da Ilha do Mel

O convênio prevê melhorias nos terminais de passageiros da Ilha do Mel, em Nova Brasília e de Encantadas, e em Pontal do Paraná. As prefeituras farão a gestão dos recursos da tarifa de embarque paga pelos usuários. (Foto: Rodrigo Félix Leal/INFRA)

O Governo do Paraná firmou na segunda-feira (19) o convênio que formaliza a parceria entre o Estado e as prefeituras de Pontal do Paraná e de Paranaguá para a oferta de serviço no transporte aquaviário aos usuários e turistas que visitam a Ilha do Mel. O objetivo é melhorar o atendimento à população.

O secretário estadual de Infraestrutura e Logística, Sandro Alex, assinou o convênio.

“É um passo importante, em respeito às pessoas que trabalham e vivem na ilha. Além de ser fundamental para o desenvolvimento do turismo no litoral paranaense. A Ilha do Mel é o segundo maior destino turístico do Estado e recebe mais de meio milhão de visitantes por ano e esse número deve crescer ainda mais no pós-pandemia. Por isso temos investido em novos trapiches, investimentos em infraestrutura, ampliação de capacidade de rodovias e aeroportos”, destacou.

Melhorias – O convênio prevê melhorias nos terminais de passageiros da Ilha do Mel, em Nova Brasília e Encantadas, e em Pontal do Paraná. As prefeituras farão a gestão dos recursos da tarifa de embarque paga pelos usuários. Uma empresa especializada deverá ser contratada para modernizar o sistema de bilhetagem dos terminais, disponibilizando vendas em totens e pela internet, além de investir em sistema de fiscalização, segurança, limpeza e conservação.

“Nós precisávamos de um plano aquaviário, um projeto bem estruturado que pudesse regularizar esse transporte com segurança para os usuários e com respeito àqueles que construíram sua história aqui. Foi um trabalho da Infraestrutura, com o IAT, com lideranças do setor aquaviário e com as prefeituras de Paranaguá e Pontal do Paraná”, explicou Sandro Alex.

Com informações da AEN 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *