BrasilFoz do IguaçuFronteiraParaná

34 cidades paranaenses registram temperaturas negativas e 26 batem recorde de frio do ano

Com massa de ar polar que chegou ao Paraná na terça-feira (27), 34 estações meteorológicas registraram marcas negativas na madrugada desta quinta-feira (29). Temperatura mais baixa foi em Palmas, com – 4,5°. Alerta de geada se mantém até o final de semana. (Foto: AEN)

A maior massa de ar frio que atingiu o Paraná em 2021 fez despencar as temperaturas em todas as regiões do Estado na madrugada desta quinta-feira (29). Das 63 estações meteorológicas analisadas pelo Sistema Meteorológico do Paraná (Simepar), 34 registraram temperaturas negativas. A mais baixa foi em Palmas, com -4,5°C.

O frio intenso já bateu recordes em todo o território paranaense. Ao todo, 26 localidades registraram as temperaturas mais baixas em todo o ano.

“Foi uma madrugada bem gelada em todo o Paraná, com temperaturas negativas principalmente na metade sul paranaense, com destaque para a região de Palmas e General Carneiro, com valores de -4°C nos termômetros já no meio da madrugada”, informou Lizandro Jacóbsen, meteorologista do Simepar. “As temperaturas negativas foram registradas no Oeste, Sudoeste, Centro-Sul, Campos Gerais, Região Metropolitana de Curitiba e em algumas cidades da faixa Norte”.

Foram registradas temperaturas abaixo de zero em cidades como Foz do Iguaçu (-1,4°C), Capanema (-1,5°C), Cascavel (-4,1°C),  Francisco Beltrão (-0,9°C), Guarapuava (-4,2°C), Pato Branco (-2,0°C), Santa Helena (-0,4°C), São Miguel do Iguaçu (-1,2°C) e Toledo (-3,9°C), 

As sensações térmicas chegaram a -10ºC em Palmas, -5,5ºC em Guarapuava e -4,8ºC em Cascavel.

Geada  O frio é resultado de uma massa de ar polar que avançou pelo Paraná entre segunda e terça-feira, e deve deixar as temperaturas baixas até o fim de semana. O meteorologista do Simepar informa que, além da temperatura baixa, o vento deixa a sensação de frio mais acentuada do que os valores de termômetro. Apesar de incômodo, o vento ajuda a conter a geada em diversos municípios nas primeiras horas da manhã. No entanto, a atenção ainda é necessária.

“Mesmo assim, as geadas aparecem sobre o Estado, porque os valores de temperatura estão baixos até mesmo no Norte e no Litoral”, explicou.

Para as próximas 24 horas, a previsão do Simepar é de formação de geadas em quase todos os municípios do Paraná, sendo mais fortes no Centro-Sul, Campos Gerais e Região Metropolitana de Curitiba.

Conforme se desloca para o Oceano Atlântico, a frente fria começa a perder intensidade no fim de semana, mas ainda mantendo temperaturas baixas e alerta de geada no Sudoeste, Sul, Região Central, Campos Gerais e RMC, além do sul do Norte e Norte Pioneiro. A expectativa é que, no domingo, áreas de instabilidade apareçam a partir do Paraguai, diminuindo a previsão de geadas.

Máximas – Para esta quinta-feira (29), a previsão é de tempo estável, sem ocorrência de chuva. Mesmo com sol, a temperatura não sobe muito, mesmo no período da tarde. Segundo Jacóbsen, a previsão é que as temperaturas sejam semelhantes às registradas na quarta-feira (28).

Na região Oeste, as máximas previstas são de 14°C para Foz do Iguaçu, 12°C em Cascavel e 13°C de Santa Helena a Guaíra. No Sudoeste, previsão de 10° entre Francisco Beltrão, Pato Branco e Laranjeiras do Sul.

Com informações da AEN 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *