BrasilParaguai

Grupo com atuação no tráfico internacional de cocaína é alvo da PF

Os traficantes usavam aviões para o transporte da droga. (Foto: Polícia Federal/Divulgação)

A Polícia Federal (PF) deflagrou nesta quinta-feira (2) a Operação Manifest, para combater uma organização criminosa com atuação no tráfico internacional de cocaína através da rota Bolívia-Paraguai-Brasil, com uso de aviões.

Segundo a PF, a organização é formada por empresários do setor de aviação agrícola, advogados, pilotos e indivíduos ligados a uma facção criminosa de atuação nacional.

“As investigações iniciaram em dezembro de 2020 a partir de um acidente aéreo ocorrido no município gaúcho de Muitos Capões. Na oportunidade, o avião utilizado para transportar a droga sofreu avarias no momento do pouso e permaneceu escondido, em meio à plantação, por cerca de uma semana”, diz a PF.

Cerca de 150 policiais federais atuaram no cumprimento de 15 mandados de prisão preventiva e 30 de busca e apreensão. Também foram executadas ordens judiciais para bloqueio de imóveis e contas bancárias, sequestro e apreensão de dez aeronaves e outros veículos, além de bens que estavam em poder do grupo.

As ações ocorreram nos estados no Rio Grande do Sul, Santa Catarina, Paraná, São Paulo, Minas Gerais, Mato Grosso do Sul, Roraima e no Distrito Federal.

Com informações da Polícia Federal 

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.