ArgentinaBrasilFoz do IguaçuFronteira

Carro com tanque adulterado pega fogo em posto de gasolina em Puerto Iguazú

O motorista abandonou o veículo e fugiu. (Fotos: LaVozdeCataratas/Gentileza)

Nesta segunda-feira (27), por volta das 22h, um carro com tanque de combustível adulterado pegou fogo no posto da YPF localizado nas proximidades da Ponte Internacional Tancredo Neves, na Rodovia Nacional 12, na Argentina.

O incidente foi registrado por motoristas que aguardavam na fila para abastecer.

O carro, um Fiat Duna, tinha um tanque de combustível adulterado que ocupava quase todo o porta-malas. 

Segundo testemunhas, o veículo era conduzido por um argentino que fugiu a pé. Ninguém ficou ferido. 

Clandestinos – Devido à diferença de câmbio é mais barato para brasileiros e paraguaios, abastecer os veículos na Argentina, e com a procura, de acordo com o LaVozdeCataratas, muitos moradores de Puerto Iguazú estão vendendo gasolina ilegalmente.

Embora o combustível vendido clandestinamente seja um pouco mais caro, o valor ainda é conveniente para os estrangeiros.

Riscos – Mesmo que seja um negócio lucrativo para alguns, a comercialização clandestina é muito perigosa. Há algumas semanas, um veículo com placas do Brasil pegou fogo enquanto era abastecido ilegalmente. O incêndio foi contido com rapidez. 

Sanções – A prefeitura de Puerto Iguazú e o governo da província de Misiones condenam este tipo de situação pelo perigo que representa.

Na última sessão do Conselho Deliberativo Municipal, na qual foi declarada situação de emergência no abastecimento de combustível na região, foram regras para o atendimento a estrangeiros e estabelecidas sanções para os postos que abastecem veículos que tenham alterações no tanque de combustível. 

Os postos que não atenderem à norma estão sujeitos à multa no valor equivalente a até 1000 litros de gasolina super. 

Com informações do LaVozdeCataratas

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.