Paraguai

Rapaz será segurança de garoto que ajudou a proteger durante temporal em Asunción

Além do novo emprego, Fróilan, que já é considerado herói, ganhou um celular e uma motocicleta zero quilômetro, em agradecimento pela demonstração de coragem e solidariedade com o menor. (Foto: Redes Sociais/Reprodução)

Na noite de terça-feira (22) uma intensa tempestade atingiu todo o Paraguai. Em Asunción, a chuva transformou ruas em rios e a correnteza levou tudo o que encontrou pela frente. Muitos pedestres ficaram ilhados e alguns correram perigo.

A imagem de um garotinho abraçado a uma árvore no meio da correnteza, acabou viralizando. O registro mostra um homem que decidiu arriscar a própria vida para ajudar o menino. 

Froilán Benegas, um jovem pai de 28 anos, não hesitou nem por um segundo em socorrer o garoto na rua Molas López. Enfrentando a correnteza, ele chegou até a árvore na qual a o menino se segurava e alcançou a criança. Os dois ficaram de braços dados em volta da árvore por mais de meia hora, até que a tempestade passasse.

Para a imprensa paraguaia, ele disse que em todos os momentos só pensava nos próprios filhos. 

Reconhecimento – O que Froilán não sabia é que estava salvando o filho do senador Sergio Godoy, que fez questão de agradecer. O Senador inclusive ofereceu um novo emprego a Froilán. A partir de agora ele é o segurança do garoto.

“Já tenho um novo emprego, para cuidar da criança que salvei”, confirmou em entrevista para a 1080 AM.

Ele contou que encontrou com o menino ontem (23). “Estive com ele, abracei e parece que o conheço há muito tempo”, disse o “herói da rua Molas López” que lamentou ter passado por essa situação tão traumática. Froilán também afirmou que ainda não consegue dormir bem e imagina o que poderia ter acontecido caso ele não tivesse chegado a tempo para ajudar o menino. 

“A empresa na qual trabalho me deu dois dias de folga, mas vou pedir demissão para começar no meu novo emprego. Vai ser difícil para mim deixar meu emprego anterior porque eu gosto muito dos meus empregadores”, disse ele.

Agradecimento – Também ontem, o jovem trabalhador, que percorre cerca de 30 quilômetros todos os dias, entre a cidade de Julián Augusto Saldívar e Asunción, também recebeu vários presentes, como um celular e uma nova motocicleta. Os presentes, dados por anônimos, foram em agradecimento pela demonstração de coragem e solidariedade com o menor. 

Cris Loose com informações do La Nación 

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.