ArgentinaBrasilFoz do IguaçuFronteira

Polícia Federal prende homem com 140 litros de gasolina contrabandeada

Combustível estava em um lava-jato que funcionava como posto clandestino. (Foto: Polícia Federal/Divulgação)

Na manhã desta quinta-feira (5), policiais federais foram averiguar uma denúncia de venda ilegal de combustível contrabandeado da Argentina, em um lava-jato localizado no bairro Três Lagoas, em Foz do Iguaçu.

No local, os policiais federais localizaram diversos recipientes improvisados acondicionando aproximadamente 140 litros de gasolina estrangeira.

Conforme foi apurado, o lava-jato funcionava como um posto de combustível clandestino, comercializando gasolina trazida da Argentina, em galões improvisados. O responsável pelo estabelecimento comercial foi preso em flagrante por crime ambiental e levado para a Delegacia de Polícia Federal junto com o combustível apreendido.

A PF alerta que é crime ambiental importar, comercializar, transportar, guardar ou ter em depósito combustível estrangeiro independente de ser não para uso próprio. Além disso, há um grande risco de explosão nestes locais que armazenam ilegalmente combustíveis contrabandeados, pois trata-se de substância altamente inflamável não só pelo líquido mas também pelo vapor que sai dos recipientes improvisados.

Diante do fato, a PF solicita a população que denuncie este tipo de crime, encaminhando as informações para o disque-denúncia, sem necessidade de identificação, por meio do telefone/whatsapp (45) 99116-8691.

Com informações da Comunicação Social da Polícia Federal 

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.