BrasilParaguaiParaná

Marinha alerta para ondas de até três metros entre hoje e sábado (20) no Litoral

Um tornado chegou a ser registrado ontem (17) no Paraguai e temporais causaram estragos no Paraná. (Foto: Redes Sociais/Reprodução)

A Marinha do Brasil informou que a passagem de uma frente fria em alto-mar poderá afetar a faixa litorânea entre os estados do Rio Grande do Sul e de Santa Catarina, ao sul de Laguna (SC), com ondas de direção Sul a Sudeste, com altura de até 2,5 metros, entre as noites dos dias 18 e 19 de agosto.

O mesmo sistema poderá afetar a faixa litorânea entre os estados do Paraná e do Rio de Janeiro, ao sul de Arraial do Cabo (RJ), com ondas de direção Sudoeste a Sudeste, com altura de até 3,0 metros, entre a noite do dia 18 e a manhã do dia 20 de agosto.

A Marinha do Brasil mantém todos os avisos de mau tempo em vigor no endereço eletrônico marinha.mil.br.

As informações meteorológicas podem ser visualizadas na página do Serviço Meteorológico Marinho no perfil sevicometeorologicomb, no Facebook e por meio do aplicativo “Boletim ao Mar”, disponível para download na internet. 

A orientação é para que os navegantes consultem essas informações antes de irem ao mar.

Tornado – Ontem (17) no fim da tarde, um tornado foi registrado no Paraguai. A Direção de Meteorologia confirmou que o tornado ocorrido na cidade de San Joaquín no Departamento de Caaguazú, a cerca de 200 quilômetros de Ciudad del Este, era de categoria baixa. Além disso, indicou que a detecção é complicada por não possuir elementos tecnológicos sofisticados.

Vários vídeos do tornado circularam pelas redes sociais. Segundo relatos das autoridades locais, cinco casas foram atingidas pelos fortes ventos. Além dos danos materiais, três pessoas ficaram feridas.

A Direção de Meteorologia emitiu anteriormente um alerta de tempestade severa para vários departamentos, com grande probabilidade de gerar chuvas intensas, fortes rajadas de vento e ocasional granizo.

Paraná – As chuvas e ventos fortes causaram estragos em cidades do oeste e sudoeste do Paraná entre a noite de quarta-feira (17) e a manhã desta quinta-feira (18).

Alagamentos, destelhamentos e falta de energia foram registrados em cidades como Cascavel, Francisco Beltrão, Marmeleiro, Matelândia e Santo Antônio do Sudoeste.

Conforme o Sistema de Tecnologia e Monitoramento Ambiental do Paraná (Simepar) houve registro de ventos de 60 km/h em cidades de ambas as regiões.

O acumulado de chuva das regiões ficou entre 30 e 40 milímetros, segundo monitoramento do Simepar.

(Foto: Defesa Civil/Cascavel/Reprodução)

Conforme a Defesa Civil do Paraná, entre as duas regiões do estado, mais de 2,1 mil consumidores estão sem energia nesta quinta (18).

Os municípios mais afetados são Santo Antônio do Sudoeste, Marmeleiro e Matelândia com cerca de 465 atendimentos pendentes. Em Cascavel são 245 consumidores desligados no momento.

Cris Loose Compartilha com informações da Marinha do Brasil, Última Hora e G1-PR 

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.